Google Shopping: como usar para potenciar as suas vendas


O Google Shopping é uma valiosa ferramenta do Google para divulgação de produtos. Para além de ser um formato de divulgação orientado para a conversão, permite amplificar a presença da sua marca nos resultados de pesquisa. Descubra porque deve começar já a utilizar o Google Shopping.

O Google Shopping é uma ferramenta de excelência para divulgar artigos na zona nobre da Pesquisa Google. Por terem um formato mais apelativo e rico em recursos, costumam alcançar um público mais perto da fase de decisão de compra.

Por isso, criamos este guia completo com o passo-a-passo de como listar os seus produtos de forma gratuita no Google Shopping e como anunciar nesta plataforma, de modo a que consiga integrar esta ferramenta na sua estratégia de marketing digital.

O que é o Google Shopping?

O Google Shopping é uma montra virtual de produtos do Google, onde são exibidos resultados relevantes em relação a uma pesquisa efetuada. É uma excelente forma de promover a sua loja, uma vez que os artigos são apresentados num formato apelativo e visual.

Ao invés do usual resultado de texto, os produtos do Google Shopping surgem aos utilizadores no formato de foto, com título, preço e nome da loja. Ao clicar sobre o produto, a pessoa é direcionada à página do anunciante, onde o poderá ver e efetivar a compra.

Com este tipo de exposição de produto, as pessoas têm uma noção mais fidedigna do item à venda antes de clicarem no mesmo, o que resulta em leads mais qualificados, potenciando a probabilidade de concretizar a venda. 

Desde 2011 que é possível criar anúncios no Google Shopping, mas a grande novidade é a listagem gratuita de produtos na aba “Compras” ou “Shopping”, que surge no motor de pesquisa Google. Ao realizar uma busca na página principal do Google, os resultados de produtos que aparecem no topo continuarão a ser de anúncios pagos, mas os seus produtos continuam a ter a possibilidade de aparecer de forma gratuita a milhares de pessoas, que todos os dias fazem pesquisas no Google, no separador de “Compras”. 

Onde surgem os produtos listados no Google Shopping?

Os produtos, dentro do mesmo nicho ou segmento, são expostos em formato carrossel ou numa coluna do lado direito na Pesquisa Google ou nas Imagens do Google, o que facilita, ao utilizador, a comparação entre produtos semelhantes.

Os produtos do Google Shopping são exibidos antes dos links patrocinados e com base no detalhe dos artigos, ao invés de palavras-chave. Quanto mais pormenorizadas forem as informações fornecidas, mais facilmente o motor de busca estabelecerá a correspondência entre a pesquisa e os artigos dispostos.

Para além da página de resultados do Google, existe um separador específico denominado “Compras” (logo ao lado de “Imagens”, “Maps”, etc., na Pesquisa Google), onde poderá ver mais produtos e filtrar de acordo com o tamanho, categoria, marca, preço, entre outras características.

Outros locais onde poderá ver anúncios do Google Shopping (mas não fichas gratuitas):

  • Em Websites de parceiros de pesquisa da Google (se tiver definido a campanha para incluir parceiros de pesquisa);

  • Na Rede de Display da Google, que inclui o YouTube, o Gmail e o Google Discover.

O Google Shopping utiliza os dados dos produtos para definir quando, a quem e em que posição o item será exibido. Por isso, é crucial trabalhar as fichas dos produtos de acordo com boas práticas de SEO

Quais são as principais vantagens do Google Shopping?

Para além de poder listar, de forma gratuita, os seus produtos num dos motores de pesquisa mais utilizados a nível mundial, as campanhas de Google Shopping proporcionam uma excelente experiência de compra aos utilizadores, já que é possível obter informações detalhadas acerca do produto, mesmo antes de clicarem no anúncio.

Assim sendo, consegue:

1. Obter tráfego qualificado

Quer isto dizer que os potenciais compradores que chegam ao seu site têm maior probabilidade de efetuarem a compra.

Primeiro, porque a pesquisa por um produto ou categoria específica já é sinónimo da intenção de comprar. Depois, porque os anúncios Google Shopping permitem, como já foi mencionado, mostrar mais informação ao utilizador, auxiliando na tomada de decisão, ainda antes de clicar no anúncio.

Tal significa que, no momento em que clica no anúncio, o utilizador já tem uma boa ideia do produto e do custo, o que a coloca numa posição mais avançada no funil de vendas, significando que, à partida, quer mesmo comprar. 

2. Amplificar a presença da marca

Para além de poder ter mais do que um anúncio ou ficha gratuita do Google Shopping em exibição em simultâneo para determinada pesquisa por parte do utilizador, estes podem partilhar espaço com um anúncio de texto - os Google Ads.

Para além de o seu site ganhar mais exposição no motor de pesquisa, também aumenta a probabilidade de atrair mais cliques. 

3. Monitorizar o desempenho dos produtos

O Google Shopping disponibiliza relatórios detalhados de análise de desempenho dos produtos listados, fundamentais para otimização das campanhas.

Qualquer variável do produto serve como filtro de análise, ou seja, é possível saber que categoria ou marca, entre outras características, geram mais cliques e conversões. Também é possível levantar informações sobre a performance da concorrência e identificar oportunidades de crescimento.

4. Gerir campanhas de forma fácil

O Google Shopping utiliza feeds de dados do Merchant Center para mostrar as informações sobre os produtos nos anúncios, ao invés de palavras-chave, como acontece com anúncios de texto.

Nas campanhas de Google Shopping é ainda possível definir o lance ao nível de cada produto, marca e categoria, bem como definir palavras-chave negativas.

Passo-a-passo para listar os seus produtos de forma gratuita no Google Shopping

  1. Crie conta no Google Merchant Center

Aceda ao Google Merchant Center e clique em “Começar”, no botão azul no canto superior direito. Será encaminhado para uma página com o título “Configure a sua conta do Merchant Center”. Clique novamente em “Começar”.

  1. Insira informações sobre a empresa

Ser-lhe-á pedido que insira informações comerciais sobre o negócio, como o nome e país da sua empresa, fuso horário e local onde a compra deve ser finalizada (loja física ou site). Após preenchimento destes dados, clique em “Criar Conta” para finalizar este passo.

Para aceder ao painel de configuração do Merchant Center, clique em “Continuar”.

  1. Preencha os detalhes requisitados

Insira o endereço e contacto telefónico. O Google enviar-lhe-á uma mensagem com um código para verificação de propriedade do negócio. Em opção, poderá requisitar uma chamada telefónica.

Clique em “Continuar”.

  1. Introduza a URL da sua loja virtual e reivindique a sua propriedade

Insira o endereço do seu site, iniciado por http:// ou https://, e reivindique a sua propriedade, isto é, confirme que tem acesso e autorização para geri-lo.

A verificação é feita pelo Google Search Console. Se o seu site já estiver registado nesta ferramenta, a reivindicação será automática. Caso contrário, receberá um e-mail com as orientações para validação.

  1. Defina as entregas

Indique os locais para onde efetua envios, tempo médio de entrega e custos.

É possível configurar diferentes tipos de valores e tempo de entrega conforme o país, peso, tamanho e valor de compra.

  1. Adicione os produtos

O Google Merchant Center permite adicionar um produto de cada vez ou fazer upload de vários produtos em simultâneo, através do upload um arquivo XML (folha de cálculo), API, Google Sheets ou FTP.

  1. Verifique as políticas do Google

Em seguida, deve verificar as políticas de divulgação de produtos do Google e confirmar que os seus artigos e perfil estão de acordo com as mesmas.

  1. Proceda à revisão final

Após ter completado todas as etapas anteriores, ser-lhe-á pedido que reveja as informações apresentadas para, então, terminar o registo.

Como anunciar no Google Shopping

  1. Aceda à sua conta Google Ads

Aceda à sua conta Google Ads com a mesma conta que utilizou no Google Merchant Center. 

  1. Vincule as contas

Retorne ao painel geral do Google Merchant Center, clique nas “Configurações” (símbolo da roda dentada) e, em seguida, em “Contas Vinculadas”.

A conta Google Ads aparecerá com o status do link “Não vinculada”. Na coluna “Ações”, clique em “Link” para gerar uma solicitação.

Feito isso, volte novamente ao painel do Google Ads. No botão de “Notificações” terá o pedido de associação da conta do Merchant Center. Clique em “Ver” e, na página que abrir, selecione “View request”. Por fim, clique em “Approve”.

  1. Crie uma campanha

Depois de as contas estarem vinculadas, poderá começar a criar as suas campanhas de Google Shopping.

No seu painel no Google Ads, clique em “Campanhas”, no menu lateral esquerdo e, em seguida, em “Nova Campanha”.

  1. Defina o objetivo da campanha

Deverá definir um objetivo para a sua campanha. De acordo com o objetivo selecionado, o Google disponibilizará sugestões de definições de campanha nos passos seguintes para ajudar a atingir esse objetivo.

  1. Selecione o tipo de campanha

Escolha a opção “Shopping” para prosseguir.

  1. Confirme a conta Merchant Center

E selecione o país onde pretende anunciar.

  1. Selecione um subtipo de campanha

Se escolher “Campanha do Shopping inteligente”, os lances e a segmentação dos anúncios são definidos de maneira automática pelos algoritmos do Google.

Na “Campanha do Shopping padrão”, as definições de lance, produto e segmentação são feitas por si. 

  1. Selecione as configurações da campanha

Dê um nome à campanha, defina o orçamento e estratégia de lance e data de exibição. Clique em “Criar Campanha”.

Antes de ser exibido, deverá inserir os dados para pagamento, e o anúncio será sujeito a uma revisão interna.

Em suma, o Google Shopping tornou-se uma estratégia de marketing digital relevante para potenciar as vendas, dado que passou a ser possível anunciar de forma apelativa e altamente visual no espaço nobre dos resultados do Google.

De igual forma, ter um software de faturação simples e intuitivo tornou-se imperativo para qualquer empresa, freelancer ou empresário em nome individual que pretende alavancar vendas. Uma imagem cuidada dos documentos financeiros é meio caminho andado para a construção de uma imagem positiva da marca. Por isso, descubra todos os benefícios que o InvoiceXpress pode trazer à sua faturação e ao seu negócio.


Magda Santos

Entusiasta do Marketing Digital e apaixonada pela escrita, por livros e viagens. A Magda espera um dia dar a volta ao mundo com a sua filha.

blog comments powered by Disqus




Fale connosco!

Somos uma equipa dedicada a responder a todas as suas questões de forma rápida e eficaz.

Acreditamos que o suporte é a nossa melhor funcionalidade.

Ponha-nos à prova!