Glossário de marketing digital - Parte I


Este glossário tem o objetivo de clarificar termos e conceitos essenciais relacionados com o marketing digital, para que os donos de empresas, freelancers e ENI saibam do que estão a falar, quando contratam serviços de marketing.

Em 2022, o marketing digital alcançou 50% mais clientes do que o marketing tradicional. Estes dados reforçam a importância de priorizar estratégias de marketing digital nas empresas, para que se mantenham competitivas.

No entanto, dada a sua natureza acelerada e em constante evolução, acompanhar todas as terminologias de marketing digital torna-se desafiante. Mesmo para quem já é veterano na área, há uma necessidade contínua de atualizar o vocabulário.

Por isso, criamos este dicionário e reunimos termos valiosos da área digital que são pertinentes para o dia a dia de uma empresa. Quer esteja a começar agora o seu negócio ou apenas queira entender melhor o que acontece na sua estratégia de marketing, este artigo ajudá-lo-á a descodificar os termos usados regularmente.

Glossário de Marketing Digital de A a Z

Analytics

Ferramentas de monitorização que servem para medir e analisar dados digitais, de forma a otimizar as estratégias de marketing. Estas ferramentas rastreiam o tráfego do site, o comportamento dos utilizadores dentro do mesmo e o desempenho das campanhas. Exemplo disso é o Google Analytics.

Automação de Marketing

A Automação de Marketing ou Marketing Automation consiste no uso de tecnologias para automatizar processos relacionados com a gestão e angariação de leads, exigindo intervenções mínimas da equipa de marketing. É realizado através de plataformas que acompanham as interações dos potenciais clientes com a marca e que, através de diretrizes pré-estabelecidas, ativam determinadas ações. 

Benchmarking

No sentido lato, benchmarking significa avaliação comparativa e é uma das técnicas mais utilizadas em marketing. Consiste na pesquisa e análise de produtos, serviços e processos de outras empresas, conhecidas por serem líderes em um ou mais aspetos das suas operações.

O objetivo é encontrar métodos eficientes utilizados por essas empresas de referência e que possam ser também usados para fazer crescer o seu próprio negócio.

Call-to-action (CTA)

Call-to-action é, geralmente, um botão clicável, que incita o utilizador a executar uma ação específica, como inscrever-se, iniciar um download, clicar para ser direcionado para outra página, etc. Os CTA são fundamentais nas estratégias de marketing e podem assumir diferentes cores e formas, de modo a serem o mais atrativos possível. 

Conversion Rate Optimization (CRO)

Traduz-se por Otimização da Taxa de Conversão e é uma estratégia que visa melhorar a jornada do utilizador num site, de forma a aumentar o número de sessões que resultam em conversão. O CRO envolve a otimização de elementos do site, como o layout, o design, os textos, os CTA e o processo de checkout, para torná-los mais eficazes.

Customer Relationship Management (CRM)

CRM é a sigla usada para designar Customer Relationship Management, um conceito centrado na gestão a 360º do cliente, que permite a qualquer negócio delinear um planeamento estratégico global. O intuito é auxiliar as equipas de vendas e permite uma gestão eficaz da carteira de clientes, dando resposta otimizada às suas necessidades. 

O software de CRM serve para armazenar, numa só plataforma, informações pessoais sobre clientes e leads, pontos de contacto com a empresa, histórico de compras e preferências, propostas de valor enviadas, emails e follow-ups, entre outros dados importantes para o negócio.

Click-Through Rate (CTR)

Em português denomina-se Taxa de Cliques e é uma métrica usada para avaliar a eficácia de um anúncio. O CTR mede a percentagem de pessoas que clicaram no link ou anúncio em relação ao número de vezes que o anúncio foi apresentado. Por exemplo, se tivesse 10 cliques e 100 impressões, a CTR seria de 10%.

Email Marketing

Email marketing é uma estratégia de marketing digital que envolve o envio de mensagens de email para um grupo específico de destinatários. O objetivo é promover produtos, serviços ou conteúdos através de newsletters, códigos promocionais, atualizações de produtos e convites para eventos.

O email marketing é fundamental para construir relacionamentos com os clientes, aumentar a sua fidelização, direcionar tráfego para o site, gerar vendas e manter os destinatários informados sobre as novidades da empresa.

Funil de Vendas

Um funil de vendas é um termo utilizado em marketing para descrever o percurso que os seus potenciais consumidores fazem, desde o momento em que conhecem o seu negócio até ao momento da compra.

Quando há uma clara noção do funil de vendas, os esforços são direcionados para cada uma das fases do funil de forma otimizada, reduzindo o desperdício de recursos e aumentando a eficiência das estratégias de marketing.

Inbound Marketing

O inbound marketing é uma forma relativamente nova de marketing que aproveita ferramentas digitais e substitui (ou complementa) a metodologia tradicional de outbound.

Esta abordagem estratégica de marketing digital foca-se em atrair potenciais clientes de forma orgânica e não intrusiva, em oposição ao marketing tradicional. Os principais componentes do inbound marketing incluem a produção de conteúdo, SEO, email marketing, etc.

Key Performance Indicator (KPI)

Os Indicadores-Chave de Desempenho são métricas para avaliar o progresso e o sucesso de uma campanha de marketing digital. Os KPI devem ser metas alcançáveis, mensuráveis ​​e relevantes. Alguns exemplos de KPI são a Taxa de Conversão, Churn Rate, Taxa de Abertura de Emails, ROI, Custo por lead, etc. 

Landing Page

Landing page, também conhecida como página de destino ou de aterragem, é uma página da internet autónoma e dedicada, criada com o objetivo de apresentar uma oferta aos utilizadores, após estes terem clicado num CTA, anúncio ou email.

As landing pages podem ser usadas em diferentes estados do funil e servem para divulgar lançamentos, apresentar ofertas exclusivas ou campanhas, sempre com o objetivo final de converter os leads em clientes.

Leads

Lead refere-se a qualquer pessoa que tenha manifestado interesse na marca ou intenção de compra dos seus produtos ou serviços. Essa manifestação de interesse acontece quando o lead deixa o seu contacto em troca de algo de valor, como uma oferta especial, uma newsletter ou conteúdo relevante.

Os leads são valiosos para as empresas, pois a partir do primeiro contacto, é possível iniciar um relacionamento de nutrição, através de ações de marketing e abordagens estratégicas.

Marketing de Afiliados

O Marketing de Afiliados é uma estratégia que consiste na promoção e divulgação de produtos ou serviços, de uma determinada marca, por terceiros. O intermediário ganha uma comissão sobre cada venda online efetuada, pode também, em alguns casos, oferecer um desconto exclusivo, e as empresas podem aumentar o seu alcance e vendas.

Marketing de Conteúdo

O Marketing de Conteúdo caracteriza-se pela produção de conteúdos altamente relevantes para um determinado público-alvo. É uma estratégia de inbound marketing, focada em responder às “dores” do seu público-alvo, esclarecer dúvidas, ensinar e educar. Os objetivos são atrair leads, ganhar credibilidade e construir uma imagem positiva da marca.

Marketing de Influência

O Marketing de Influência consiste na colaboração entre uma marca e um influenciador digital (dito influencer) para divulgação de produtos a um público específico, de forma a aumentar a visibilidade, credibilidade e notoriedade de um negócio.

Os influenciadores digitais são pessoas com uma forte presença nas plataformas sociais e uma taxa de interação notável com o seu público-alvo, capazes de o persuadir sobre o valor de uma marca, produto ou serviço. 

Outbound Marketing

Diferente do inbound marketing, o outbound marketing não nutre os leads e fica à espera de que estes venham ao seu encontro, mas antes, vai à sua procura. Ou seja, o lead não está ativamente à procura daquele produto ou serviço, mas é impactado por ele. E, ainda que, naquele momento, não faça sentido para si, inconscientemente, a marca já ganhou lugar na sua mente.

Esta estratégia de marketing surge no formato tradicional de campanhas publicitárias na televisão, rádio e em outros meios de comunicação, eventos patrocinados, cold calls, outdoors, flyers, através de banners em blogs, pop-ups, email marketing (cold emails), anúncios nas redes sociais, etc.

Pay-Per-Click (PPC)

É um modelo de publicidade online em que os anunciantes pagam uma taxa sempre que alguém clica no seu anúncio. Este método de pagamento é comum em anúncios veiculados nos motores de pesquisa e são uma forma eficaz de direcionar tráfego para uma página específica de um site.

Os anunciantes definem um orçamento e licitam as palavras-chave relevantes para exibir os seus anúncios. O custo por clique pode variar dependendo da concorrência e da qualidade do anúncio.

Persona

Uma persona ou buyer persona, é uma personagem fictícia ou grupo de personagens que representa o cliente ideal de uma empresa. É criado com base em dados de vendas e conversões anteriores, bem como de visitantes do site.

Com uma buyer persona, consegue visualizar mais facilmente a quem está a vender, o que lhe permite adequar os conteúdos, tom de voz e outros detalhes importantes, que farão toda a diferença na hora de comunicar com o seu público-alvo.

Redes sociais

As redes sociais são plataformas online que permitem que pessoas, grupos e organizações se conectem, partilhem informações, interajam e construam relacionamentos virtuais. Geralmente, estas plataformas incluem funcionalidades como perfis de utilizador, espaços para publicação de conteúdo e de comentários. Alguns exemplos de redes sociais mais conhecidas são o Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn, Pinterest, TikTok, etc.

Remarketing

O Remarketing é uma tática de marketing digital que serve para recuperar utilizadores que já tenham demonstrado interesse pela sua marca, produto ou serviço. No fundo, é fazer marketing, novamente, para a mesma pessoa. As práticas de remarketing podem ser veiculadas em diferentes plataformas e a ideia é gerar impacto no utilizador que já teve contacto com o seu negócio, incentivando-o a tomar uma ação.

Return on Investment (ROI) 

O Retorno sobre o Investimento é uma medida utilizada para avaliar a rentabilidade de um investimento. Em marketing, a métrica serve como indicador de desempenho das campanhas. Um ROI positivo é indicativo de lucro e um ROI negativo significa que a estratégia resultou em prejuízo.

Return On Advertising Spend (ROAS)

Retorno Sobre o Investimento em Publicidade é a métrica de marketing utilizada para medir a eficácia das campanhas publicitárias e calcular o retorno do investimento gasto com anúncios. O ROAS permite avaliar quais os métodos que estão a funcionar e como melhorar campanhas futuras.

Search Engine Optimization (SEO)

Também conhecido por otimização para motores de pesquisa, diz respeito a um conjunto de técnicas e estratégias que visam otimizar as páginas de um site. O objetivo primordial é obter um melhor posicionamento nos resultados de pesquisa para determinadas palavras-chave.

Inclui melhorias técnicas, on-page e off-page, ou seja, alterações ao nível da estrutura do site, dos conteúdos e da autoridade ditada por backlinks, respetivamente.

Social Media Marketing (SMM)

Social Media Marketing envolve a promoção de produtos ou serviços em plataformas sociais como Facebook, Instagram e Twitter. O objetivo da utilização das redes sociais como estratégia de venda não é propriamente realizar a conversão em si, mas antes aumentar a visibilidade da marca, alcançar um grande número de pessoas e, mais tarde, convertê-las em clientes.

Teste A/B

Os profissionais de marketing usam testes A/B para comparar duas versões de uma página web, email ou anúncio e, assim, determinar qual a variação que tem melhor desempenho.

UX

Também denominada de User Experience ou Experiência do Utilizador. Diz respeito à experiência geral do utilizador ao interagir com um site. Engloba aspetos como a facilidade de uso, acessibilidade, design do interface e eficiência. O objetivo central da UX é criar experiências que sejam intuitivas, agradáveis e que facilmente respondam às necessidades e expectativas dos utilizadores.


Ainda que não seja um termo-chave deste glossário, não queremos deixar passar em branco a oportunidade de integrar e lhe explicar a seguinte expressão, tão importante para qualquer negócio.

Programa de Faturação

Um programa de faturação, como o InvoiceXpress, é uma ferramenta essencial para empresas de todos os tamanhos, e deve ser certificado pela Autoridade Tributária.

Com um software de faturação consegue criar faturas, notas de crédito, orçamentos e outros documentos financeiros de forma eficiente e profissional. O InvoiceXpress distingue-se pela sua facilidade e rapidez de utilização, bem como pelas dezenas de plugins de integração e uma API robusta e escalável que disponibiliza aos seus clientes.

Ter um sistema de faturação confiável é fundamental para manter a transparência e a conformidade financeira num ambiente de negócios em constante evolução.

Portanto, não subestime a sua importância e experimente já o InvoiceXpress durante 30 dias grátis!


Magda Santos

Profissional de Marketing Digital com foco em SEO, apaixonada por viagens, escrita, livros e fotografia. Navega pelo universo digital, enquanto explora diferentes lugares do mundo. O melhor capítulo da sua jornada de vida é o que se vai desenrolando ao lado da filha.

blog comments powered by Disqus



Fale connosco!

Somos uma equipa dedicada a responder a todas as suas questões de forma rápida e eficaz.

Acreditamos que o suporte é a nossa melhor funcionalidade.

Ponha-nos à prova!